sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Treinando Redação - O Que é BPM

BPM (Business Process Management) é uma abordagem disciplinada para identificar, desenhar, executar, documentar, medir, monitorar, controlar e melhorar processos de negócio, automatizados ou não, para alcançar os resultados pretendidos pela organização.

O principal objetivo desse corpo de conhecimento é prover o alinhamento dos processos de negócio com a estratégia e os objetivos da instituição, adicionando valor ao negócio. Esses processos nada mais são do que a execução da estratégia instituída. É implantado um ciclo de melhoria contínua nos processos para que seja atingida a excelência operacional.

Os processos de negócio são os meios pelos quais produtos e serviços são criados e entregues para os clientes. O gerenciamento desses processos estabelece a forma pela qual eles são gerenciados, executados e transformados para que o valor seja agregado.

Os objetos de estudo do BPM incluem pessoas e a forma como elas trabalham juntas, a descoberta, análise, re-desenho e implantação de processo de negócio. Envolve também o alinhamento entre esses e a estratégia empresarial através de um gerenciamento ponta-a-ponta dentro da organização. São consideradas também as sugestões de mudanças institucionais, inclusive de papeis e responsabilidades, além de tecnologias habilitadoras, como BPM Systems, Suítes BPM e ferramentas para modelagem.

Por pesquisar a fundo a forma de trabalho organizacional, esta disciplina traz inúmeras vantagens à empresa, como a identificação e eliminação de retrabalho e etapas desnecessárias. Ajuda também na padronização de produtos. O que impacta diretamente na redução de custos e tempo empregados em determinadas tarefas, bem como no aumento do valor agregado dos produtos, além de reduzir o tempo de treinamento dos novos empregados e facilitar o controle de custos, recursos e riscos.

Essas vantagens ficam evidentes na melhoria dos indicadores de desempenho, que são ajudados também pela automatização das rotinas, integração entre as unidades de negócio, principalmente em relação à Tecnologia da Informação. Esses são fatores que geram vantagem competitiva, aumentam a satisfação do cliente e permitem que a empresa mantenha, mais facilmente, conformidade com padrões, legislações e apresente transparência ao mercado.

Para que tudo isso aconteça, o BPM possui atividades intrínsecas à Gestão por Processo de Negócio, que são a descoberta ou mapeamento de processos, modelagem, simulação, automação, definição do nível de maturidade, documentação e monitoramento com indicadores de desempenho e de qualidade, além do ciclo de melhoria contínua.