sábado, 16 de janeiro de 2010

Como Reclamar no Mercado Livre. Link Direto.

****** Esse post é um pouco antigo e estava no meu outro site. De lá para cá o Mercado Livre já melhorou algumas coisas que irritavam todo mundo, como a cobraça abusiva por tudo. Por outro lado, passou a colocar o Mercado Pago automaticamente nos anúncios para tentar tirar mais dinheiro das pessoas.

Então, o link de reclamação abaixo ainda funciona e como muita coisa ruim ainda permanece, vou deixar tudo registrado aqui como histórico de como o ML costuma fazer as coisas. ******


Antes de mais nada, gostaria de dizer que existe um concorrente do Mercado Livre, que é o TODA OFERTA, site do UOL, onde o anúncio é grátis, não se paga comissão por vendas se você não usar PagSeguro e se usar o PagSeguro, a coisa fica bem mais em conta do que usar o Mercado Pago, mas vamos ao que interessa.

Se você quer só o link para reclamar no Mercado Livre. Faça seu login no site deles e clique neste endereço:

http://www.mercadolivre.com.br/jm/ml.faqs.framework.main.FaqsController?pageId=frmContact&faqId=2748&categId=CNTC
Ainda tem o e-mail direto de lá: crm.ml@mercadolivre.com


Pode reclamar, reclame de tudo mesmo. Solte o verbo, aqueles idiotas merecem.

Se você quer entender porque eu coloquei o link aqui, bom ai vão os motivos. Tudo começou quando eles iniciaram cobranças por qualquer coisa. Eram 6 fotos por anúncio, agora são 3. As outras 3 são pagas. Inventaram o subtítulo e reduziram o tamanho do título principal, já que o subtítulo também é pago. (A pouco tempo, inventaram taxa de modificação de anúncio.)

Depois eles pioraram a busca e a forma de vizualizar os produtos. Ficou muito mais difícil localizar os produtos que você quer. A busca trás coisas genéricas muitas vezes. Também proíbem que usemos formas de pagamentos como PagSeguro ou Pagamento Digital. Isso me parece venda casada ou prática anti-competitiva. Temos que o usar o sugador de dinheiro que é o Mercado Pago, que rouba dinheiro das duas partes na transação.

No meio do caminho, graças a Deus (UOL), veio o Toda Oferta, para ajudar mais ainda o ML a afundar. Como se não bastasse, ele fizeram a estupidez de tirar dos vendedores a possibilidade de ver a quantidade de visualizações dos anúncios, que depois de muita reclamação, voltou quase ao normal.

Para piorar, eles dificultaram muito que o comprador indentificasse o vendedor do produto e vice-versa. Agora você nem sabe mais o apelido da pessoa que está vendendo o produto. Você precisa clicar em mais informações e depois pedir para ver o perfil do vendendor. 2 clique a mais.

O vendedor, quando responde uma pergunta, também não consegue mais ver quem fez qual pergunta. Acreditem, é bizarro. Enquanto isso, no Toda Oferta você pode até usar o messenger do UOL.

O fim da picada foi o novo sistema de qualificação, que jogou a qualificação de todo mundo pro buraco só porque alguns compradores fantasmas não compram. Quem tem 40 ou 50 vendas também SE FUDEU BONITO, porque ficou no meio da tabela. 50% de qualificação. Mesmo que você não tenha nenhuma qualificação negativa.

Só quem se deu bem nessa história são os super vendedores. Lojas que já tem mais de 500 vendas. Então, o que fazer?

No meu caso, é obvio, mesmo com 100% positivo, eu fico com 50% de qualificação, então, não vou vender mais porque ninguém vai comprar. Meus anúncios já estão no Toda Oferta a um tempo. Vende menos, mas vende. O negócio é migrarmos para o Toda Oferta, fazermos uma campanha e torcer para que o Ebay venha para o Brasil e chute a bunda do Mercado Livre. No Ebay a política é completamente diferente.

Vamos lá, aqui está o link das reclamações novamente.

http://www.mercadolivre.com.br/jm/ml.faqs.framework.main.FaqsController?pageId=frmContact&faqId=2748&categId=CNTC

 Ainda tem o e-mail direto de lá: crm.ml@mercadolivre.com

Existem outras coisas que o ML fez para piorar a vida dos vendedores que eu nem mesmo lembro agora, mas que outras pessoas lembrarão. Você que entrou aqui deve lembrar.